Como aplicativos podem te ajudar no aprendizado de um novo idioma

Se você está começando a ter aulas em um novo idioma ou pensando em dar esse primeiro passo, é provável que já tenha procurado um aplicativo para te auxiliar. Afinal, por que não utilizar o tempo que passamos no nosso celular aprendendo algo novo?

No entanto, é importante conhecer as limitações desses aplicativos que prometem a fluência de uma língua com uma dose de 20 minutos de exercícios diários.

O escritor do New York Times, Eric Ravenscraft, utilizou o Duolingo por 500 dias para entender o que os aplicativos não conseguem te ensinar. “A resposta curta é que você definitivamente pode aprender algumas coisas de um app, mas se você quer se tornar fluente em um idioma – or até mesmo conversacional – eles [os aplicativos] não serão suficientes”, escreve Ravenscraft em artigo.

O autor aponta, contudo, que os aplicativos são eficazes para explicar o sistema de escrita, principalmente para idiomas como japonês e coreano, e te ensinar frases básicas para iniciar uma conversação.

Mais importante, Ravenscraft conclui que o Duolingo, MemRise, Babbel e similares devem ser usados como ponto de partida para o aprendizado. Assim, se você concluiu algum plano de estudo de algum desses apps, deve investir e procurar outras atividades que te desafiem mais.

Como aplicativos podem te ajudar no aprendizado de um novo idioma
Rolar para o topo
Exibir bot�es
Esconder bot�es